Nova Zelândia registra apenas dois casos de Covid-19 e tem shows para 30 mil pessoas sem máscaras

Terça, 06 de Abril de 2021 às 09h01min
A primeira-ministra da Nova Zelândia, Jacinda Arden, disse que seu país "venceu novamente o vírus".
Cerca de 30.000 fãs compareceram ao evento \\\'Six60 Saturdays\\\' (Fo Getty Images)

A Nova Zelândia, na Oceania, é um país que não foi gravemente afetado pela Covid-19 devido às suas medidas eficazes para controlar o vírus.

Desde o início da pandemia em 2020, o governo de Jacinda Ardern adotou medidas de segurança sugeridas por cientistas, fechou suas fronteiras e impôs uma quarentena rígida, com testagem em massa e rastreamento de casos. O controle eficaz fez com que o país tivesse pouquíssimas mortes e garantiu uma retomada rápida da economia.

 

A primeira-ministra da Nova Zelândia, Jacinda Arden, anunciou nesta segunda-feira (5) o fim das restrições ordenadas em Auckland para frear uma segunda onda da epidemia de Covid-19. Ela disse ainda que seu país "venceu novamente o vírus".

Há 12 dias a maior cidade do país não registra novos casos de Covid-19. A chefe do governo afirmou que a epidemia está sob controle e elogiou os habitantes que "precisaram enfrentar um novo confinamento".

Ardern anunciou ainda que, a partir de quarta-feira (7), Auckland passará ao nível 1 de alerta sanitário, o mesmo em vigor no restante do país. Isto significa o fim das restrições para reuniões públicas e eventos esportivos – como o campeonato de Rugby, esporte popular no país.

 

*Informações: Vogue Globo.

Fonte: Jornal Folha do Noroeste
Fotos